Procura por imóveis maiores e mais confortáveis cresce durante pandemia

Ter espaço nunca fez tanta falta como agora. Afinal, com a nova realidade que nos trouxe o Covid-19, quase todas as atividades estão sendo feitas no mesmo local.

Os lares se transformaram também em escritório, academia, sala de aula e isso mexeu com o mercado de imóveis. Por isso, desde o começo do isolamento social cresceu a procura por imóveis maiores.

Um levantamento feito por um dos maiores portais imobiliários do Brasil mostra que a procura por imóveis com varan

da cresceu 128% em maio de 2020, se comparado com o mesmo período em 2019.

Já em setembro de 2020 o número de pessoas em busca de imóveis com quatro quartos aumentou 58%; por três quartos, 9%. Entretanto, a procura pelos menores diminuiu. Para os de dois quartos caiu 22%, e para um quarto, despencou 37%.

 

Mudança de comportamento

Se antes existia uma tendência por imóveis mais compactos, com boa localização e próximos ao trabalho, agora temos um movimento contrário, no qua

 

l muitas pessoas vão trabalhar em suas residências e estão prezando por mais conforto e espaço, ainda que possa ser distante dos grandes centros.

É importante ressaltar que o Brasil possui 20,8 milhões de pessoas que podem utilizar o home office ou teletrabalho, o que corresponde a 22,7% dos postos de trabalho, segundo estudo publicado pelo Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada). E o Distrito Federal apresenta o maior percentual de teletrabalho (31,6%) do país, o que representa em torno de 450 mil pessoas.

De acordo com a presidente da Abecip (Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança), Cristiane Portella, as pessoas estão buscando comprar o primeiro imóvel ou trocar por um maior, pois há uma tendência de valorização do ambiente doméstico, seja para o home office ou para o lazer.

Além disso, estamos no menor patamar de taxa de juros da história. Em 2017, o mercado imobiliário trabalhava com uma taxa de 11% ao ano. Atualmente, opera com menos de 7% ao ano. Isso em um financiamento de 30 ou 35 anos representa um impacto muito grande na prestação. 

E será que vale a pena ter um espaço maior?

O tamanho de um imóvel pode ser um critério fundamental na hora de escolher um lugar para morar. E os espaços maiores, também possuem vantagens, como:

  • Mais possibilidades

Um imóvel de maior metragem expande as opções do proprietário. Muitas vezes é possível  reformar cômodos para ter espaços mais luxuosos e exclusivos.

  • Maior valor de mercado

Adquirir um imóvel maior e de luxo costuma trazer mais rentabilidade de investimento e está entre os mais seguros e menos voláteis do momento, A maioria dos compradores são consumidores finais que buscam, além de conforto, mais espaço, melhor localização e opção para destinar parte de suas reservas em um cenário no qual a renda fixa não se mostra atrativa e há muita volatilidade na bolsa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Chat Lotus
Precisa de Ajuda?

Fale com um dos nossos corretores agora mesmo!

Abrir Chat