Selvas urbanas: plantas ganham cada vez mais espaço dentro dos lares modernos

Localização privilegiada no centro da cidade, sim! Muito verde e conexão com a natureza, também. Febre entre os millenials (nascidos entre o início da década de 1980 e o fim do século passado), as chamadas urban jungle prometem unir em um só conceito esses dois desejos que, a primeira vista, parecem ser incompatíveis e até inconciliáveis, na hora de escolher um lugar para chamar de lar. Por esse motivo, a tendência chama atenção de quem a conhece e ganha cada vez mais espaço nos projetos de arquitetura e decoração.

Não estamos falando de uma plantinha aqui, outra ali. Mas de mini selvas dentro de apartamentos, no alto dos edifícios! Por meio de plantas domésticas ou paisagismo nas fachadas (ou ainda, os dois juntos, por que não?), o verde que contrasta com o cinza do concreto é uma escolha de muita personalidade! Não por acaso, a cor verde Greenery foi anunciada pela Pantone como a cor do ano, em 2017. A cor simboliza recomeços e reforça a conexão com a natureza.

Além de estética, as urban jungle também tem a ver com estilo de vida. Um dos motivos que ganhou os corações de uma geração inteira, em específico. Os jovens adultos querem a praticidade urbana, sem deixar o relax de lado. Esse conceito convida moradores da cidade a enxergarem o mundo de fora como parte de dentro de casa. Além disso, as plantas trazem para perto os benefícios do contato com a natureza: elas purificam o ar; renovam as energias do ambiente; contribuem com a sensação de bem-estar e aconchego, principalmente se aliadas com outros materiais naturais mais “quentes”, como madeira e palha; e reduzem o estresse, principalmente considerando que a jardinagem é uma atividade terapêutica.

A urban jungle dos sonhos pode ser construída por meio de paredes vivas ou, então, por meio de composições usando vasos, peças de macramê, suportes e prateleiras. No último caso, o segredo é variar as alturas, texturas, cores e volumes das plantas. Nessa proposta, não existe exagero. Quanto mais plantinhas, melhor! Veja algumas inspirações:

Pensando nestes benefícios, nossos lançamentos 310 Lotus e Alma contam com fachada viva com paisagismo integrado e sistema de irrigação automatizada. São projetos autorais dos renomados escritórios de arquitetura Valeria Gontijo + Arquitetos, Crosara Arquitetura e Ana Paula Roseo Paisagismo. Venha conhecer!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Chat Lotus
Precisa de Ajuda?

Fale com um dos nossos corretores agora mesmo!

Abrir Chat